Limpeza de pele em casa – passo a passo

Limpeza de pele Caseira

É fato. Não existem milagres quando o objetivo é deixar a pele jovem, bonita e saudável. Os cuidados devem ser diários: alimentação equilibrada, atividades físicas regulares, ingestão de dois litros de água e manter-se o mais distante possível de cigarros!

Antes de mais nada, você precisa saber qual é o tipo da sua pele para poder usar os produtos mais adequados. A minha é mista, por isso, sigo ao pé da letra a rotina de limpeza de pele em casa detalhadamente programada pela Dra. Cintia Guedes Mendonça, a médica dermatologista que me acompanha, em São Paulo. Os passos podem ser seguidos por todas. O diferencial mesmo fica por conta dos produtos.

1º passo: Retirar a maquiagem

A maquiagem faz parte do nosso dia-a-dia, portanto, ao chegar a casa, devemos ter o hábito de retirá-la. Em hipótese alguma durma maquiada (ou com o que sobrou dela)! Os produtos obstruem os poros e promovem o envelhecimento precoce. Lembrem-se que é de extrema importância o uso de demaquilantes específicos para cada parte do rosto, como já indiquei nessa matéria com os melhores demaquilantes.

Produtos para retirar a maquiagem

2º passo: Lavar o rosto

Uma pele saudável, livre de cravos e espinhas, precisa passar pela limpeza duas vezes ao dia. O procedimento vai ajudar a retardar o envelhecimento. A primeira lavagem deve ser feita pela manhã para retirar a oleosidade produzida durante o sono e, a segunda, à noite, para eliminar o acúmulo de oleosidade, resíduos de maquiagem e outros produtos, poluentes e poeira. De acordo com a Dra. Cintia, devemos dar preferência aos sabonetes líquidos (mais suaves) – que precisam ser adequados ao seu tipo de pele. Agora um recadinho pras gatas escaldadas de plantão: lave o rosto SEMPRE com água fria, MESMO NO INVERNO, porque a água quente estimula a produção de oleosidade, o que a obrigaria a lavar o rosto mais de duas vezes ao dia.

3º passo: Tonificar

Essa etapa não pode ser negligenciada – nem na correria! Os tônicos ajudam a remover os traços de óleo, sujeira e maquiagem que o sabonete pode ter deixado durante a limpeza. Além disso, atuam pra fechar os poros e reequilibrar o ph da pele.

4º passo: Esfoliar

A esfoliação deve ser incluída duas vezes por semana na sua rotina. Ao retirar as células mortas, estimulamos a renovação celular, dando mais viço à tez.

Esfoliar o rosto

5º passo: Hidratar

Uma boa hidratação é o que garante beleza e vitalidade à cútis. Ajuda a manter a integridade da camada de proteção cutânea e a evitar problemas como descamação, ressecamento, envelhecimento precoce, irritações e infecções.

Antes de passar o hidratante, é nessa fase que você pode inserir as máscaras faciais (em tecido, argila, creme, gel, frescas). São diversas e funcionais – cada uma para um tipo de problema. Tem máscaras para pele oleosa e máscaras que ajuda a eliminar cravos e impurezas, e, geralmente, as deixo agindo de 15 a 20 minutos. Depois enxáguo o rosto. Com as máscaras em tecido o método é um pouco diferente: você retira o tecido e, na sequência, espalha (massageando) o que sobrou do creme no rosto.

Em seguida, você ainda pode dar uma revigorada na pele com uma água termal.

Hidratar o rosto

Feito a limpeza e a hidratação mais profunda, podemos passar para os hidratantes (específicos, volto a lembrar!). Não se esqueçam de que as peles oleosas também precisam de hidratação! Nesse caso, recomenda-se o uso de um produto oil-free, à base de água, para não aumentar a oleosidade.

Também é preciso evitar o uso excessivo de sabonetes, buchas, banhos muito quentes e prolongados, principalmente no inverno.

6º passo: Proteger

A Dra. Cintia alerta que a exposição à radiação ultravioleta tem efeito CUMULATIVO e penetra profundamente na pele, sendo capaz de provocar diversas alterações, como o bronzeamento e o surgimento de pintas,

sardas, manchas, rugas e outros problemas que queremos bem distantes. Ressalta ainda que a exposição solar em excesso também pode causar tumores benignos (não cancerosos) ou cancerosos, como o carcinoma basocelular, o carcinoma espinocelular e o melanoma. A maioria dos cânceres da pele está relacionada à exposição ao sol. Portanto, sejamos cautelosas!!! Prefira evitar o sol do intervalo entre às 10h e 16h.

Quanto ao uso do protetor com fator de proteção solar, escolha um com FPS 30 ou mais. O produto deve ser aplicado ainda em casa, e reaplicado ao longo do dia a cada duas horas, se houver muita transpiração ou exposição solar prolongada. É necessário aplicar uma boa quantidade do produto. Se estiver de maquiagem, a dica é reaplicar o protetor em pó. Hoje existem diversas opções no mercado. O importante é que o filtro solar seja usado diariamente, mesmo quando estiver frio ou nublado, pois a radiação UV atravessa as nuvens. Óculos escuros também complementam as estratégias de proteção, além de ajudarem na prevenção das ruguinhas nos cantos dos olhos (os irritantes “pés de galinha”). Mais detalhes sobre proteção solar, neste vídeo sobre manchinhas no rosto.

Protegendo a pele do rosto

Pra garantir bons resultados, não deixe de consultar um dermatologista! É ele quem vai indicar os melhores produtos pra a sua pele.

Dra. Cintia Guedes Mendonça – Médica Dermatologista

Vitalli Fertilidade e Dermatologia: (11) 3578 2554

Imagens: Isa Van Bellen

2 thoughts on “Limpeza de pele em casa – passo a passo”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

cialbuquerque

por Cinthia Albuquerque

Categorias

Goto Top

Antes de ir faça parte da nossa newsletter

E fique por dentro das novidades separadas especialmente para você!